Início » 2012 » Agosto

Monthly Archives: Agosto 2012

À Lei da Selva!

Estava na selva o Girafa, em pastagens com a manada
Quando, eis, que surge à ilharga, um corpo em forte guinada
Vinha de fora da estrada, numa marcha desamparada
Por isso investiu à peitada, não fora dar-lhe ele a estocada!

Como bom líder do grupo, o Girafa de eleição
É-lhe doado um estatuto, a condição de capitão!
Utiliza o salvo-conduto, em acções de alta pressão
Como seja o caso de um bruto, com a cartolina na mão!

Agindo em auto-defesa, salvaguardando o javi
Impediu que aquela bestamatasse o seu arlequim
Numa jogada indefesa, como escreveu o pasquim
Pois o menino é um defesa, pode usar o berbequim!

E o bom do capitão, vendo que o Fischer estava a apontar
Correu sobre o ladrão, que prestes o estava a assaltar
Não se rouba um lampião, senão vou chamar o “mascar”
E levas com este empurrão, mesmo que não estejas “acrarditar”!

Pensas que lá vais com desmaios, não, ó meu grandessíssimo actor!?
Na selva temos papagaios, não engrupimos com qualquer relator!
Por isso bem podes ir de soslaio, à tua vidinha de árbitro amador!
Para artista já temos o Paraguaio, nem à cotovelada passa por infractor!

Vinha o Fortuna meter-se com o maior do mundo, o eterno glorioso!?
Confundem-nos com o Algés e Dafundo, o nosso palmarés é um colosso!
Somos uma luz no submundo, quando ganhamos é um pluri-gozo!
E temos uma arena sem fundo, com túneis, para passar o fosso!!!

Por isso juntem-se a nós! Juntos somos ainda mais fortes!
Com um capitão a trinta nós, nem com os ventos do norte!
Nunca estaremos sós, com as vossas paixões em suporte
E uma girafa veloz, virgem imaculada, nunca se dá à morte!

E nesta saga de cernelha, chegamos ao fim da história
Resta-nos seguir as ovelhas, ululando com a escória
Confiamos no orelhas, que lamenta toda a discórdia!
Pronto, está bem, ó abelha! Libertem o faisão Vitória!

lei da selva

Anúncios